quarta-feira, 14 de setembro de 2016

Jogo #1 - 2016 - Titans 16 x 25 Vikings

Já começamos com uma difícil, o QB titular (Bridgewater) do Vikings estava machucado e isso gerou uma esperança de vitória em nós, torcedores do Titans. Os técnicos tinham um plano: 1º - Paramos o Peterson (RB) e 2º - Pontuamos. É muito mais fácil falar do que fazer, entretanto, por incrível que parece, mantivemos Peterson em cheque. Ok, os recebedores (principalmente Diggs #14 e o TE Rudolph #82 - que, não sei por que cargas d'água estava sendo marcado por um CB), deitaram e rolaram na nossa secundária, que é, no mínimo, duvidosa e que, na minha opinião poderia funcionar, se tivéssemos algum pass rush, mas a verdade é que Hill (o QB reserva) não sofreu grandes pressões durante o jogo e foi para o vestiário limpinho.

Mesmo assim, se estes fossem os fatores do jogo, provavelmente, teríamos saído vitoriosos, mas ... Os Vikings possuem uma defesa muito, mas muito bem estruturada, e no segundo tempo eles aterrorizaram o nosso ataque, simplesmente não tivemos respostas para os dois TDs que essa defesa marcou, o primeiro em uma interceptação, bisonha de Marcus Mariota, e o segundo quando Mariota e Murray não conseguiram decidir com quem a bola ficava e a mesma foi para o chão ... o DE (Hunter) foi de moon walk para a red zone.

A verdade é que o time de Minnesota está bem à frente do Titans em seu desenvolvimento, e ganhar era um sonho, mas não rolou.

Começamos o ano 0-1 (na minha contagem 1-1, por que cada derrota do Rams é uma vitória nossa).

Pontos altos: OL foi melhor, houveram boas chamadas ofensivas, paramos o Peterson, fizemos um bom primeiro tempo, os calouros (Conklin [o melhor da OL], Sharpe, Henry [nos passes], Byard e Johnson) jogaram bem ...  
De Ruim temos: A secundária, a falta de pass rush (que pode piorar, caso a contusão na coxa do Derrick Morgan seja séria), Henry em terceiras descidas e o ataque aéreo anêmico (embora Sharpe tenha ido bem) ... esse último merece uma olhada mais cautelosa a partir da foto abaixo:


Observe que nenhum passe vai além das 20 Jardas. Como não existe bola longa no nosso ataque, as defesas podem colocara 8 ou 9 no box (próximos à linha de scrimmage), isso faz com que o nosso forte do ataque, o jogo corrido, tenha que enfrentar muito mais gente do que gostaríamos, se o front seven do adversário é bom, não tem corrida. Segunda consequência, na minha opinião, Tajae Sharpe é bom, mas ele não abre o campo por falta de velocidade, então ele recebe bolas na mesma região em que temos Delaine Walker recebendo, isso é bom, entretanto, se tivéssemos um WR que pudesse abrir o campo verticalmente, o trabalho desses recebedores de rotas intermediárias estariam facilitadas e nosso ataque seria um pouco mais dinâmico. Se o OC não arrumar isso, na minha opinião, nosso ataque está morto, por que teremos que jogar contra uma monte de gente no box e não teremos Murray e nem Henry correndo para milhões de jardas.

Mesmo perdendo, é bom ter a NFL de volta. Que venham os Lions ...

Go Titans!

6 comentários:

Hugo mello disse...

Mesmo enfrentando um time forte na defesa, se descontarmos os erros (corrigireis) acredito que fomos bem, quero muito ver se as blitz que não ocorreram nesse jogo aparecerão contra o Detroit e principalmente como nosso ataque vai se comportar diante de uma defesa mais fraca.

Anônimo disse...

Foi um bom jogo. Tivemos mais jardas totais e tempo de posse bola que eles. Faltou experiência contra um time que certamente estará nos playoffs. Ainda falta talento principalmente no grupo de wr e secundaria. Porém há tempos não estava animado com o time. Agora finalmente a coisa parece evoluir. Este ano é torcer pra fazermos 6 ou 7 vitórias e o péssimo time dos Rams irem mal, pra aí sim termos um time forte no ano que vem.
Go Titans!

diego freitas disse...

essa derrota pra mim tá na conta do Mariota. muito parecido com a temporada passada, ele não foi capaz de evitar os turnovers e foram exatamente eles que definiram a derrota.

A defesa foi disciplinada e parou AP o cara foi controlado. ninguém nem ouviu falar dele na rodada. Isso é muito bom, mas realmente pressão zero no qb. É urgente a necessidade de um pass rush top e um CB capaz de recuperar a bola.

fiquei muito desapontado com essa derrota. muito mesmo.

oremos.

Go Titans!

REI disse...

O último grande WR que tivemos foi o Derick Mason e isso já faz uns 12 anos.
Precisamos que seja nossa primeira escolha no draft no próximo ano.

diego freitas disse...

uma defesa em que isso acontece! nunca vai a lugar algum!

http://giphy.com/gifs/26hit1e6fjoUL3B0k

diego freitas disse...

NUNCA CRITIQUEI!!! QUE ÚLTIMO QUARTO!! QUE DEFESA MORALIZADORA!!! SB AE VAMOS NÓS!!! Hahahaha