sábado, 25 de abril de 2015

Possível Pick #2: Jameis Winston (QB)

O melhor jogador Universitário de 2013 está fortemente cotado para jogar em Tampa. É quase unânime pela imprensa e especialistas em draft que os Buccaneers irão escolhê-lo com o pick #1 semana que vem. Por que?
  • Winston me parece um líder fortíssimo, e talvez seja essa a melhor qualidade deste QB. Assisti a alguns jogos e ele tem todo o elenco ao seu redor. O moleque é um imã e não faz muita força. Tem um vídeo dele no Grudens Camp, só jogador cascudo e no fim do vídeo ele já domina o Huddle. Dá prá ver que os WRs querem ficar livres prá ajudá-lo, isso em uma hora em campo? por aí ... impressionante;
  • Vitorioso. Nos dois anos nos quais foi o titular da posição em FSU perdeu apenas um jogo.
  • Opera bem a partir do centro (QB colado no Center). Embora a grande maioria das jogadas de FSU começassem no Shotgun (com o QB a aproximadamente 7 jardas do center), ele jogava bem quando o ataque assumia uma postura mais parecida com o Pro Stile, o que não é comum para QBs que jogam basicamente em ataques Spread. Isso é importante por que a transição será menos dolorosa.
  • Usa bem o Pocket. É bom dar uma olhada no jogo de Jameis x Florida. Ele lança quatro interceptações nesse jogo (claro que isso não é bom), mas o que é interessante é como o Pocket está caindo ao seu redor, Florida coloca muita pressão no QB, e mesmo assim ele usa os espaços sobrando prá fazer bons arremessos de dentro do Pocket.
  • Não é uma estátua. Se preciso for ele corre, e bem. Mas não é um QB que vai pensar em correr antes de lançar.
  • Tem todas as características atléticas que você pode esperar de um QB. Alto, forte, com um braço excepcional e extremamente atlético.
  • Bom percentual de passes completos (66.6% - quase 8000 jardas lançadas em dois anos).
Highlights:


Você assiste aos vídeos desse garoto e fica louco: a produção está lá, o braço está lá, a liderança está lá, tem algumas coisas prá acertar, mas ele estará pronto para liderar um ataque da NFL em Setembro, com certeza. E aí vem a pergunta, mas o que poderia fazer com que Tampa e Tennessee corressem deste cara? Vamos lá:
  • Problemas extra campo: o garoto não é um modelo de cidadão. Já foi pego roubando, assediou (não tem uma boa palavra prá assault) mulheres, foi suspenso de pelo menos dois jogos pelos técnicos ... é imaturo, e isso é uma bandeira vermelha. Você não quer perder jogos por que o QB foi suspenso devido a problemas comportamentais. Você não quer a imagem da sua franquia atrelada a isso;
  • Tomada de decisão. John Gruden pergunta: "Winston por que tantas interceptações? Por que 18 e não 12, 14?" e ele responde: "Eu arrisco bastante tentando antecipar a defesa!". Na NFL você está morto se tomar decisões erradas contra os Safeties. Eles vão pegar 1500 interceptações e não apenas 18. Isso é trabalhável? Sim. Nos vídeos ele mostra que entende bem os conceitos, então os técnicos devem ser mais determinantes com relação às chaves (keys) que levam a fazer um arremesso ou outro a partir dos conceitos adotados pelo ataque. Outra coisa que ele vai ter que aprender a manipular o Safety com os olhos, caso contrário ele está morto na NFL.
  • A Mecânica precisa ser trabalhada. As pernas não alinham corretamente com a direção do lançamento, o reset é problemático, o garoto tende a usar demais o braço em detrimento ao uso do corpo como um todo.
  • São dois anos de Experiência como QB titular, não é muito.
Uma análise bem legal que mostra que nem tudo são flores para Winston.



Na minha opinião existem muito mais prós do que contras em draftá-lo e não acho que Tampa vai deixar esse garoto passar, entretanto, como eu disse no posto anterior, Draft não é uma ciência exata, e os caras de Tampa podem ter visto algo que foge aos nossos olhos, e eles podem passar. Se isso acontecer, acho que o Front Office vai saltar no colo do garoto. Guardadas as devidas proporções, esse Winston me lembra o Big Ben e em alguns momentos, o grande Steve McNair (RIP) no fim da carreira, não tão móvel, mas ainda forte como um touro, lançando bombas no fundo do campo com dois caras pendurados no seu cangote. Whiz deve estar babando por ele, por que ele rodaria nosso sistema de ataque no dia 1, sem maiores problemas.

Se Tampa passasse e eu fosse o GM, pegaria na hora esse garoto, oraria muito para que ele não fizesse merda fora de campo, não olharia para traz e, certamente, seria feliz.

Go Titans!

2 comentários:

Rodolfo Barreto disse...

Diante da situação do Titans(com um time em formação e não tão ruim assim) Winston seria perfeito. Comparando mais uma vez ao meu Texans são situações semelhantes no ataque, principalmente agora sem o Andre Johnson. falta QB, falta muito um QB, com um bom QB os recievers trabalhariam "surpreendentemente" bem na minha opinião. A diferença é que a Defesa em Houston é forte e muitas vezes ganha algumas partidas, e isso faz o ataque ter um pouco mais de confiança além da sua capacidade. Quem sabe não falta um pouco de confiança em Tennessee. A questão é que ninguém quer somente algumas vitórias, queremos muitas vitórias, sequencias positivas e chances de títulos, e sem QB, sem chance! É um drama que só o Draft pode resolver, mas as vezes nem um 1st pick ajuda se não temos QBs bons o bastante para escolha. Vide 2014 e o Incrível Jeadevon Clowney(realmente muito bom), mas que é um "mais do mesmo" em Houston e não resolverá nosso problema. Esse ano tem bons QBs, chance de ouro pro Titans. É torcer para que em Tampa os Piratas sejam os certinhos da vez e não escolham o "menino problema", já que em Tennessee é o "menino salvação"! #gotitans #gotexans #chegalogodraft

Professor Marcelo Arantes disse...

Então Rodolfo, no meu tempo (eheheheheheh), o normal era draftar um QB e dar a ele tempo prá aprender o jogo. Tempo era igual a uma defesa monstra e um suporte, ou seja, excelente jogo corrido e bons Recebedores, a partir daí vc pluga um QB e deixa ele se desenvolver fazendo as merdas que se tem que fazer aprendendo esse jogo.
O fato é que essa seria uma boa estratégia para desenvolver o Mettenberger, pelo menos é o que eu faria.
No caso de vcs, tem o Ryan Mallet, cara, quando ele veio para o Draft (mesmo ano do Jake Locker) eu queria que o Titans pegasse o moleque, achava que ele era o melhor QB do Draft (http://titansbrasil.blogspot.com.br/2011/04/melhor-e-nao-desejar-voce-pode-ser.html), mas tinha problemas extra campo, cara se o jogo corrido de vcs continuar o mesmo, pode ficar tranquilo que esse moleque vai fazer um estrago.
Abração.