sábado, 11 de outubro de 2014

Fim de uma Era ...

Em 2005, o Titans escolheu na segunda rodada um Tackle desconhecido vindo de Eastern Whasington University (até então o jogador com o maior posição draftado daquela universidade), muita gente achou a decisão, no mínimo, questionável, mas o então GM, Floyd Reese, não titubeou e adicionou o alto e esguio Estonês.
Roos entrou direto no line up, no primeiro ano jogou no lado direito da OL, e foi muito bem. Em seu segundo ano passou a jogar como Left Tackle de onde não saiu mais. Durante suas 10 temporadas só deixou de jogar uma partida e foi escolhido para o Pro Bowl em 2008, foi escolhido all pro (melhor jogador em sua posição da NFL) em 2008, 2009 e 2011.

Na quarta rodada deste mesmo Draft o Titans escolheu outro Tackle, David "Big County" Stewart. Um OT imenso com cara de criança de poucas palavras e que quando entrava em campo passava por cima dos defensores. Stewart entrou no line up no em 2006 como Right Tackle, foi segundo time All Pro (segundo melhor em sua posição) em 2008.

A dupla foi forjada pelo melhor técnico de linha ofensiva da NFL, Mike Munchak, e era muito divertida de se ver jogar (até 2012 mais ou menos). Enquanto Roos era um dos caras mais técnicos da liga, Big Coutry era um trator passando por cima dos adversários, as melhores corridas de CJ eram pela direita com Stewart abrindo diversas avenidas para ele. Muito bacana de se ver. No auge de sua carreira Roos era o LT com o menor número de sacks permitidos.

Stewart foi dispensado no início do ano, e Michael Roos, que estava no último ano de seu contrato, vai passar por uma cirurgia que o retirará do restante da temporada. Enfim, foram bons 7 ou 8 anos sem nos preocupar com as extremidades da linha, naquela que por muitos foi considerada a melhor dupla de tackles na NFL por pelo menos cinco anos. É claro que sentiremos a falta da dupla ...

Valeu Roos ... sentiremos sua falta!!!

Go Titans!

Um comentário:

REI disse...

Roos é uma baita jogador.
Pena que durante sua estadia nos Titans ( espero que ele realmente retorne ano que vem) não protegeu nenhum QB digno de nota. Ele merecia mais!!!

Valeu Roos!!!